ENCALHE ( Descontinuado em 05.10.2013 )

setembro 19, 2013

Golpe no Chile: 40 anos (prisão e morte do Chileno), Por Jasson de Oliveira Andrade


pinochet_-charge_nº_2

Há 40 anos, em 11 de setembro de 1973, o general Augusto Pinochet derrubou o presidente Salvador Allende (suicidou-se) e se tornou ditador, ficando no Poder até 1990. Quando ele morreu, em 10/12/2006, aos 91 anos, a Folha Online assim descreveu os seus últimos anos: “Pinochet enfrentava processos por crimes de violação a direitos humanos [ assassinatos e torturas ], fraude ao fisco (sic) e uso de passaportes falsos no chamado Caso Riggs – aberto após a descoberta de contas secretas (sic) no exterior, nas quais acumulou fortuna de US$ 27 milhões. (…) O ex-ditador chegou a ser preso (sic) em diversas ocasiões em conexão com os crimes”. Outro que esteve preso, mas não por corrupção, foi Oswaldo André Henrique Mena, o Chileno, que era muito ligado à Mogi Guaçu, cidade onde chegou em 1979, vivendo aqui por 12 anos. Em 1985, ele se aproximou do PMDB desta cidade. Em 1986, o então prefeito Carlos Nelson Bueno (PMDB) o nomeou oficial de gabinete, cargo sem “status” de primeiro escalão. Ao justificar a nomeação, Carlos Nelson declarou à Folha Sudeste ( Campinas ) que Mena possuía documentos [ falsos ] emitidos pelo Ministério das Relações Exteriores do Brasil [ devia ter tido a ajuda da ditadura brasileira com a ditadura chilena na falsificação desses documentos. Na época, segundo documentos Secretos publicados pelo Estadão em 2013, as duas ditaduras ajudavam uma à outra. Por isto esta hipótese não pode ser descartada ] e que não cabia a ele, prefeito da cidade, descobrir a verdadeira identidade do ex-professor do Senai de Mogi Guaçu”. A seguir vamos ver mais sobre esse personagem.

Com o Golpe de 1973, a polícia secreta de Pinochet, a DINA, designou Mena, o Chileno, em 1975, para vigiar seus compatriotas. Com o fim do Regime Militar, em 1990, o presidente eleito democraticamente (sic) resolveu investigar os crimes do antigo regime, o que resultou na prisão do Chileno. No dia 29 de julho de 1992, Mena foi preso pela Polícia Federal, no Ypê II, como torturador e agente da polícia secreta (Dina) do ditador do Chile, Augusto Pinochet. Por seus delitos, ele foi condenado a 15 anos de prisão. No entanto, não cumpriu a pena, pois morreu a 4 de julho de 2007, aos 69 anos, no Hospital Penitenciário de Santiago, vítima de parada cardiorespiratória.

Em 15/8/1992, em artigo à GAZETA GUAÇUANA, escrevi: “Agora fomos surpreendidos com a prisão, em Mogi Guaçu, do agente da Dina Oswaldo Andrés Henrique Mena, o Chileno, como conhecíamos. Nunca iríamos pensar que por trás daquele pacato e politizado homem estava o torturador. (…) Será que todos os torturadores têm a mesma aparência? Isso nos faz lembrar o livro “O médico e o monstro”, a história do personagem que tinha duas faces, a boa e a má”. Em 14 de julho de 2007, escrevi: “Na ditadura, Chileno cometeu crimes que, na democracia (sic), estava pagando com a prisão. Morreu longe de Mogi Guaçu e de seus familiares ( esposa, quatro filhas e um filho, além dos netos ). Lamentavelmente!”

Pinochet preso por corrupção e seus crimes. Chileno também preso por seus crimes. É o que sempre digo: Democracia é bem melhor do que Ditadura! Só na Democracia os crimes foram revelados e punidos!

JASSON DE OLIVEIRA ANDRADE é jornalista em Mogi Guaçu
Setembro de 2013

2 Comentários »

  1. Reblogged this on O LADO ESCURO DA LUA.

    Comentário por anisioluiz2008 — setembro 19, 2013 @ 8:49 pm

  2. Republicou isso em C O O LTURA.

    Comentário por vieiraeuclidessantana — setembro 19, 2013 @ 8:53 pm


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: