ENCALHE ( Descontinuado em 05.10.2013 )

agosto 9, 2013

Deputada venezuelana: “A CIA esteve envolvida no golpe de 2002 contra o governo Chávez”

Filed under: WordPress — Tags:, , , — Humberto @ 9:26 pm

Deputada venezuelana Ana Elisa Osório pelo PSUV:

“A CIA esteve diretamente envolvida no golpe de 2002 contra o governo patriótico”

“Tivemos que enfrentar vários golpes e o mais grave foi o de 11 de abril de 2002, no qual os Estados Unidos, através de sua embaixada e da CIA estiveram totalmente envolvidos”, afirmou Ana Elisa Osorio, deputada, vice-presidente do Parlatino e membro da Direção do Partido Socialista Unificado da Venezuela (PSUV), em entrevista ao HP, durante o Foro de São Paulo.

Ana Elisa foi uma das lideranças que se dirigiram ao Palácio Presidencial de Miraflores para resistir ao golpe no qual sequestraram ao presidente Hugo Chávez e os golpistas anunciaram que havia renunciado.

“Uma multidão desceu dos bairros populares e se uniram aos militares patrióticos, bolivarianos para conjurar o golpe”, afirma Ana Elisa, que é uma das protagonistas do filme que retrata o golpe, a resistência a ele e a vitória denominado A revolução não será televisionada.

A deputada relata que “antes do golpe já havíamos aprovado um Constituição, com 80% dos votos, que havia passado pela participação dos antes excluídos, os pobres, os índios, os afrodescendentes”.

“O que enfrentamos”, prossegue, “foi a oligarquia latifundiária e a tecnocracia petroleira”.

“A PDVSA era uma empresa estatal que presenteava aos Estados Unidos o nosso petróleo. Não sabíamos o seu orçamento. Seu cérebro de informática estava em mãos de uma transnacional”, prossegue.

“Enfrentamos a greve petroleira – que causou ao país uma perda de 20 bilhões de dólares – e tivemos que nessas condições de nos apoderarmos de nossa empresa e do nosso petróleo”.

A segunda vice-presidente da Assembleia Popular, Blanca Eekhout, destaca o testamento e o legado do presidente Hugo Chávez. “Quando já se sentia muito doente, no pronunciamento de 8 de dezembro, Chávez nos deu um verdadeiro testamento”, declarou.

“Ele nos alertou: agora temos Pátria, temos o desafio de construir este país para o povo, este Estado revolucionário, e temos as forças para fazê-lo”.

“Ele nos ensinou neste processo que só podemos avançar se estivermos atentos para nunca perder o vínculo com o povo”, finaliza Blanca.
HORA DO POVO

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: