ENCALHE ( Descontinuado em 05.10.2013 )

janeiro 21, 2013

FARC lamentam recusa do governo colombiano em concordar com cessar-fogo bilateral

Filed under: WordPress — Tags:, — Humberto @ 6:28 pm

BOGOTA, 21 JAN (ANSA) – As Forças Armadas Revolucionarias da Colômbia (FARC) lamentaram hoje que o governo do presidente Juan Manuel Santos não aceitou concordar com um cessar-fogo bilateral permanente. A organização ordenou aos seus integrantes retomar as ações militares em todo o país.
“Lamentamos a decisão do governo colombiano de não assumir a bilateralidade do cessar-fogo. Nós o fizemos de forma soberana e unilateral, e o país é testemunha das bondades que isso representa”, afirmou Rodrigo Granda, considerado o chanceler da organização.
A partir da noite do domingo, as FARC ordenaram a todas as suas estruturas retomarem as ações armadas, após dois meses de trégua. Porém, nesse período, foram registradas 57 ações militares segundo os dados do Ministério Público.
A este respeito, o porta-voz das FARC declarou que a guerrilha não violou a trégua unilateral e que os atos atribuídos pelo Ministério Publico foram meras reações às ações dos Exército colombiano.
“Não demos a ordem aos guerrilheiros para matar, eles obviamente tinham de se defender e, se em algumas ocasiões o Exército tentou entrar em campo e recebeu uma resposta esmagadora por parte da guerrilha, não se trata de uma violação” disse Granda.

ANSA 21/01/2013

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: