ENCALHE ( Descontinuado em 05.10.2013 )

agosto 18, 2011

Chile: número de vítimas do regime Pinochet pode duplicar

Filed under: WordPress — Tags:, , — Humberto @ 7:46 pm

A «Comissão Valech» ouviu mais de 32 mil testemunhos e acredita que existem ainda muitos casos por denunciar
O número de vítimas oficiais do regime Pinochet pode duplicar, segundo o relatório entregue ao presidente chileno Sebastián Piñera.
A investigação dos crimes do regime militar de Pinochet, no Chile, está a cargo da Comissão da Verdade sobre Prisão Política e Tortura – «Comissão Valech», que recebeu mais 32 mil denúncias de violações dos direitos humanos vividos nesse período, noticia a BBC.
Actualmente, o número de vítimas oficiais é de 28.459, e o relatório apresenta mais 60 mil a juntar a esse número. Aguarda-se o manifesto do presidente, pois só ele poderá revelar o novo registo.
Antes da criação da «Comissão Valech», em 2003, o Chile tinha reconhecido apenas 2.279 vítimas, em 1991. Este número apenas compilou mortes e desaparecimentos.
Numa primeira fase, os responsáveis pela investigação ouviram mais de 35 mil testemunhos de pessoas que sofreram desde detenções ilegais, torturas, execuções e desaparecimentos. Em Novembro de 2004, a comissão anunciou 28.459 vítimas oficiais.
No entanto, com a pressão de organizações de direitos humanos, o Parlamento chileno reabriu a investigação em 2009 e a Comissão da Verdade teve o prazo de seis meses para registar novos testemunhos.
Apesar de o número poder duplicar, acredita-se que existem muitos casos ainda por contabilizar. Estima-se que muitas vítimas, por viverem em zonas remotas, por medo, ou por falta de informação, não registaram os seus testemunhos. Muitas organizações de direitos humanos defendem, por isso, que o órgão de investigação deveria estar permanentemente aberto.
Juanita Aguilera, da «Comissão Ética Contra a Tortura», revelou que a «Comissão Valech» não registou nesse novo número casos de estrangeiros detidos e torturados no Chile, e nem contabilizou os casos dos chilenos desaparecidos em outros países, vítimas da «Operação Condor».
O novo registo oficial afectará também a economia, uma vez que as vítimas do regime de Pinochet, entre 1973 e 1990, têm direito a uma pensão mensal de cerca de 176 euros. Se o número duplicar, o Estado chileno terá que pagar mais de 127 milhões de euros por ano, em indemnizações.
( TVi24 )

Anúncios

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: