ENCALHE ( Descontinuado em 05.10.2013 )

agosto 4, 2012

Veja fica entalada com requerimento convocando Policarpo para a CPMI

Filed under: WordPress — Tags:, , , — Humberto @ 7:56 pm

A convocação do diretor da revista Veja, da sucursal Brasília, Policarpo Jr, para explicar suas relações com o grupo criminoso de Carlinhos Cachoeira, está mais perto de acontecer depois que a mulher do contraventor, Andressa Mendonça, chantageou o juiz Alderico Rocha Santos, ameaçando-o de publicar um dossiê contra o magistrado.
HORA DO POVO
Membros da CPMI avaliam que Policarpo tem muito que explicar
A convocação do diretor da revista Veja, da sucursal Brasília, Policarpo Jr, para explicar suas relações com o grupo criminoso de Carlinhos Cachoeira, está mais perto de acontecer depois que a mulher do contraventor, Andressa Mendonça, chantageou o juiz Alderico Rocha Santos, ameaçando-o de publicar um dossiê contra o magistrado, feito pelo jornalista da revista, se não soltasse o bicheiro. Por causa disso, Andressa foi presa na segunda-feira (30) e solta sob pagmento de fiança de R$ 100 mil.
O vice-presidente da CPMI do Cachoeira, deputado Paulo Teixeira (PT-SP), defendeu a ida do diretor à comissão e disse que “com os acontecimentos de hoje (30), está colocada a relação do jornalista (Policarpo Jr.) com a organização criminosa”. “Já iremos discutir a convocação na primeira reunião da CPMI”, declarou. Além dos requerimentos que estavam esperando para ser votados, o senador Randolfe Rodrigues (Psol-AP) protocolou na quarta-feira (1/08) um pedido de convocação de Policarpo Jr para depor à CPMI.
O juiz Alderico Rocha Santos denunciou que Andressa lhe dissera que o contraventor “contratou o Policarpo” para fazer o dossiê.
Com a repercussão da denúncia, amplamente divulgada por diferentes veículos, “Veja” reagiu de forma suspeita, negando-se a fornecer explicações sobre o caso, além de não emitir qualquer comunicado negando as evidências de continuidade de uma parceria entre a revista e o bicheiro, inclusive com interferência no conteúdo editorial.
A Agência Brasil – que noticiou o assunto publicando trechos da decisão judicial emitida pelo juiz Mark Yshida Brandão, que determinou buscas e o comparecimento de Andressa Mendonça à Polícia Federal – revela que “entrou em contato com a redação da revista Veja em Brasília e foi informada que o assunto estava sendo tratado pela redação de São Paulo”.
“Em contato com a redação de São Paulo, a Agência Brasil foi orientada a procurar o Departamento Jurídico da revista. Em São Paulo, o Departamento Jurídico disse que nada tem a declarar sobre o assunto”, relata a matéria da repórter Luciana Lima.
“Veja” não emitiu nota pública sobre o envolvimento de seu funcionário, o jornalista Policarpo Júnior, nem explicou se estava ou não fazendo reportagem sobre o juiz. Tampouco negou ter relações com o bicheiro Carlinhos Cachoeira. Em vez disso, divulgou, por meio do blogueiro Reinaldo Azevedo, que a revista iria processar “os responsáveis”, sem citar nomes.

About these ads

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O tema Silver is the New Black. Blog no WordPress.com.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.503 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: